Apicultores de Icó são beneficiados com projeto de fortalecimento da cadeia produtiva

114 agricultores de Icó, assim como do município de Jucás, foram atendidos com o projeto de fortalecimento da cadeia produtiva da apicultura na última sexta-feira [18]. 

apicultura é uma das apostas do Governo do Ceará, através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário [SDA], para a sustentabilidade da agricultura familiar, exige poucas horas de dedicação semanal e vem alçando bons preços no mercado.

BENEFÍCIOS - Foram investidos R$ 9.608,08 por agricultor, incluindo a indumentária [macacão, um par de botas e um par de luvas], 22 kg de cera alveolada e as colmeias. O projeto é um convênio entre a SDA e o Ministério da Integração Nacional [Convênio No. 785941-203] e é realizado em parceria com o Instituto do Desenvolvimento da Economia Familiar [Idef]. 

Além do equipamento básico, as famílias são atendidas com treinamento de manejo das abelhas e acompanhamento técnico pelo período de dez meses.

Uma das apicultoras pioneiras da região Centro Sul, Maria Lourdes Ferreira, 75 anos, reside no Sítio Umari dos Ferreiras e, mesmo com a baixa produtividade, em decorrência da seca dos últimos cinco anos, serve de exemplo para os mais jovens. “Eu me orgulho mesmo, porque é pouca gente que tem coragem”, revela o medo que as colegas têm das abelhas. “A roça você tem que ir todo dia e a abelha, não. Você pode ir uma vez por semana para ver como tudo tá e [também] na colheita”, ensina.

TRABALHO E RECONHECIMENTO - Os núcleos agrícolas de Aratuba, Capistrano, Icó, Piquet Carneiro, Poranga, Quixelô e São Benedito já receberam o treinamento e serão os próximos beneficiados pela entrega do equipamento. 

Segundo informações do coordenador de Apoio às Cadeias Produtivas da Pecuária [Coape], Márcio Peixoto, o convênio representa um investimento por município de R$ 528.444,50 e um total de R$ 4.277.556,00 no incentivo para que os agricultores diversifiquem a renda das famílias com a apicultura.

“Conhecemos o empenho da equipe da SDA e, em nome do Márcio e do Marcelo [técnico], que vieram inúmeras vezes resolver entraves burocráticos, agradecemos a entrega que estamos realizando hoje”, reconheceu o secretário municipal de agricultura Cláudio Lavôr durante a solenidade de entrega. 

“Quando muitas mãos se mexem na mesma direção a coisa acontece, e é isso o que queremos: entregar a coisa bem feita para vocês [agricultores]”, completou.


BENEFICIADO - Outro morador icoense beneficiado é Damião Pinheiro de Brito, de 50 anos, morador da comunidade Malhada da Aroeira, que já tomou algumas picadas na vida, mas, agora, com entrega da indumentária não sente medo de ingressar na criação das abelhas. 

“Devido ao desmata mata [sic], já fica difícil [criar gado]. Porque já tem muita coisa desmatada e por causa disso não tem chuva. Tem que plantar capim e não tem água. E é caro [a pecuária]. Abelha não, mantendo o apiário lá, só tem rendimento”, incentiva as próximas gerações de apicultores com o que aprendeu no treinamento realizado pelo Idef e na vida.




Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :