"É O Bicho": Grupo de proteção aos animais intensifica atuação em Icó

"Temos em conjunto o sonho e o intuito de mudarmos a triste realidade destes animais que até o momento não contam com nenhum auxílio por parte do poder público municipal".

Com esta mensagem, o grupo "É O Bicho" de proteção ao animais em Icó enviou ao Icó é Notícia um informe com as ações atualizadas da equipe.

O coletivo foi oficializado no dia 13 de abril deste ano, após reunião, e integram a lista de ativistas diversas pessoas, entre elas Marconiza Brasil, Alinne Rabelo, Tairine Sousa, Vania Torres, Dannuzia Maria Oliveira, Dennise Farias.

Estas pessoas, juntamente com outros voluntários que incluem comerciantes utilizam do próprio recurso, financeiro e humano, para cuidar de gatos e cachorros abandonados nas ruas icoenses e que precisam de cuidados.

"Termos conseguido, com o nosso trabalho, a credibilidade, a confiança, o respeito e sendo assim  estamos sendo ajudados por alguns bons amigos que sentem como nós a necessidade de cuidar destes animais que até pouco tempo só conheceram ao seu redor o descaso e a indiferença", destaca o texto do "É O Bicho".

ANIMAIS CUIDADOS - O resgate de animais que se encontram nas ruas e o cuidado em um abrigo apresentam significativos resultados, cujos dados foram enviados para o IN. "Nosso principal trabalho é resgatarmos das ruas animais principalmente cães e gatos foram atropelados sofreram mal tratos, abusos ou estão doentes. Hoje estamos com mais de 30 [trinta] animais entre eles filhotes, adultos e idosos, alguns em tratamento. Contamos com uma Veterinária voluntaria, que nos ajuda a tratar dos animais com sarnas, virose, micose, machucados e etc."

Mesmo diante de lutas diárias, contando com apoios e colaborações de diversas formas da sociedade civil, o grupo de atuação em favor dos animais abandonados nas ruas de Icó destaca, em seu comunicado, que "somos sabedores que para darmos continuidade a este nosso trabalho se faz necessário em caráter de URGÊNCIA ter um suporte vindo do poder publico Municipal, então estamos elaborando um projeto para ser entregue em breve ao senhor Secretario do meio Ambiente, onde também somos já fomos informados do interesse desta secretaria firmar conosco este importante convênio que seria uma doação mensal de raçoes e material de limpeza."

ASSOCIAÇÃO - O próximo passo, de acordo com a equipe, é de que "para podermos receber doações de empresas, estamos nos legalizando, onde já temos um suporte jurídico vindo de advogados voluntários que estão corrigindo nosso futuro Estatuto, para depois lavrarmos em cartório a ata de reunião de fundação da Associação É O BICHO". 

O texto, que você pode ler em completo abaixo, é assinado pela representante do projeto, Marconiza Brasil. Em breve, a pedido, o site Icó é Notícia estará presente para mostrar ainda mais este trabalho que dignifica o ser humano que atua, direta ou indiretamente, com o pensamento de doação.

NOTÍCIAS AÇÕES É O BICHO

Caro amigo, conforme nos foi solicitado estou enviando um relatório das nossas ultimas ações em prol dos nossos animais de rua, e dos nossos projetos futuros para a continuidade da Equipe É O BICHO. Vou enviar algumas fotos dos nossos “hospedes” umas vou fazer o antes e o depois para você constatar que é possível a cura deste, que só precisam que a sociedade e o poder publico os vejam como seres vivos que necessitam com urgência da conscientização e da ajuda de todos.

O grupo É O BICHO, é formado por algumas pessoas entre elas Alinne Rabelo, Tairine Sousa, Vania Torres, Dannuzia Maria Oliveira, Dennise Farias, que temos em conjunto o sonho e o intuito de mudarmos a triste realidade destes animais que até o momento não contam com nenhum auxílio por parte do poder público municipal; sendo assim a EQUIPE É O BICHO, com seus próprios recursos e devido termos conseguido com o nosso trabalho, a credibilidade a confiança o respeito e sendo assim  estamos sendo ajudados por alguns bons amigos que sentem como nós a necessidade de cuidar destes animais que até pouco tempo só conheceram ao seu redor o descaso e a indiferença.

Para podermos receber doações de empresas estamos nos legalizando onde já temos um suporte jurídico vindo de advogados voluntários que estão corrigindo nosso futuro Estatuto, para depois lavrarmos em cartório a ata de reunião de fundação da Associação É O BICHO, e assim podermos ter CNPJ para abrirmos contas em bancos, para futuros projetos. Também temos um grande incentivo da imprensa local e redes sociais que sempre estão divulgando nossas ações, inclusive o site Icó Noticia o qual somos muito gratos. por sinal esta agendado com o jornal Diário do Nordeste uma reportagem sobre nosso trabalho, e em agosto estamos na expectativa de sermos destaque no programa Ultracão da rede TV de televisão, onde são mostrado na reportagem os abrigos e os protetores, sendo assim ficamos com a esperança de depois de sermos visto por todo Brasil recebermos atarves desta reportagem algum tipo de ajuda.

No momento estamos em um abrigo improvisado que é em um prédio que está em construção de uma importante instituição. Pelo motivo de que a construção encontra-se paralisada momentaneamente, tivemos a autorização da Diretoria da Instituição para abrigarmos e mantermos estes animais neste local, porém, a qualquer momento a construção poderá ser reiniciada e assim não teremos para onde levarmos estes animais, por isso como já foi aqui citado em breve estaremos nos legalizando para estamos realizando ações entre elas rifa, bingos, venda de camisetas e etc para o mais breve possível adquirirmos um terreno próprio e nele construirmos um abrigo definitivo.

Nosso principal trabalho é resgatarmos das ruas animais principalmente cães e gatos foram atropelados sofreram mal tratos, abusos ou estão doentes. Hoje estamos com mais de 30 (trinta) animais entre eles filhotes, adultos e idosos, alguns em tratamento ( contamos com uma Veterinária voluntaria) , que nos ajuda a tratar dos animais com sarnas, virose, micose, machucados e etc, e muito destes por terem ficado mutilados a possibilidade de conseguirmos adoção é praticamente zero, e também por serem totalmente dependentes não tem mais como serem devolvido às ruas. 

Diante de tudo que já foi relatado, somos sabedores que para darmos continuidade a este nosso trabalho se faz necessário em caráter de URGÊNCIA ter um suporte vindo do poder publico Municipal, então estamos elaborando um projeto para ser entregue em breve ao senhor Secretario do meio Ambiente, onde também somos já fomos informados do interesse desta secretaria firmar conosco este importante convênio que seria uma doação mensal de raçoes e material de limpeza. Pois sem termos uma contribuição do Município ficará inviável conseguirmos amenizar esta já comprovada problemática de centenas de animais doentes, machucados, mutilados, abandonados perambulando pelas ruas de nossa cidade e assim causando acidentes, transtornos, transmitindo doenças e se reproduzindo sem nenhum controle populacional e a cada ninhada de filhotes que nascem só aumenta as estatísticas e os problemas já aqui citados. Sem esquecer que isso tudo também é questão de Saúde Publica.

Então acreditamos que se faz necessária esta parceria entre a Equipe É O BICHO e a Secretaria do Meio Ambiente do Município de Icó, que assim  o poder publico estaria cumprindo seu papel e estará nos dando condições de tratarmos nossos cães, gatos e futuramente outra categoria de animais, com respeito dignidade que todo ser vivo tem direito.

Queremos também relacionar o lado humanitário que acreditamos que esteja em primeiro lugar na vida de qualquer ser humano que acredita que DEUS nos criou para nos ajudarmos mutualmente, sempre buscando construir um mundo melhor para todos os seres vivos sem nenhuma restrição.

Para finalizarmos afirmamos que a Equipe  É O BICHO tem como objetivos e finalidades principais:

a)   Apoiar e participar dos eventos relacionados a animais no Município de Icó Ceará, se estendendo ao restante do país como também em todo o mundo;

b)   Auxiliar os animais desamparados, proporcionando alimentação e o amparo necessário;

c)   Esclarecer e educar a população quanto à posse responsável e esterilização dos animais; estimular a adoção de animais abandonados, buscando lares saudáveis e equilibrados para estes; promover a defesa de bens e direitos sociais, coletivos e difusos relativos aos animais e ao meio ambiente;

d)   Promover projetos e ações que visem à preservação, bem como a recuperação e a proteção da identidade                          física e psicológica dos animais, com recursos próprios ou advindos de convênios ou outras formas jurídicas possíveis;

e)   Estimular a parceria, o diálogo e a solidariedade entre os diferentes segmentos sociais, participando juntamente com outras entidades de atividades que visem interesses comuns;

f) Estimular o amor e o respeito aos animais;

g)  divulgar as leis que protegem os animais;

h)  colaborar com os órgãos competentes no sentido de aprimorar a legislação relativa aos direitos dos animais;

i)  promover campanhas educativas e orientar a população quanto ao respeito e cuidados com os animais;

j)  fiscalizar o cumprimento da legislação relativa aos animais, promovendo as ações judiciais competentes, quando for o caso;

l)  dar assistência médico-veterinária aos animais que estiverem sob a guarda desta associação;

m)  criar e manter abrigo para recolhimento e tratamento de animais abandonados.

Caro amigo e repórter do site Icó Noticia,  deixamos em aberto o convite para que todos que compõem este importante meio de divulgação  venha visitar o abrigo, e assim constatar ao vivo o quanto precisamos tê-los como parceiros  e protetores destes animais que tanto necessitam do nosso cuidado , respeito, e claro muito amor.

Atenciosamente,
Marconiza Brasil






Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :