Conselho Tutelar terá barraca e atuará nas noites de Forricó 2014

Acompanhar as crianças e adolescentes que estarão presentes nas quatro noites do Forricó 2014.

Com este mote, o Conselho Tutelar estará presente na 22ª edição do evento, que é considerado um dos maiores do interior do Ceará.

A entidade contará com uma barraca no local do evento nas proximidades da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Expectação e irá realizar atendimentos até 1h da manhã.

"Às 17h o Conselho Tutelar estará na praça, o Largo do Théberge, onde a gente vai colocar os cartazes e também orientar e advertir os barraqueiros, para que eles possam entender um pouco sobre o Conselho Tutelar, e também a questão de vendas de bebidas alcoólicas a menores", destacou a conselheira Neide Moura ao programa Rubens Brasil, da rádio Brasil FM, nesta quinta-feira [8].

"O nosso maior desafio é esse, em uma festa desse tamanho, a gente sabe que o Forricó é uma grande festa onde tem muitos menores presentes e a gente quer conscientizar esses barraqueiros a não vender bebidas a menores", pontuou Neide Moura.

O Conselho Tutelar em Icó tem sede na Rua Francisco Maciel, no Centro Social Urbano [CSU], em frente ao Colégio Senhor do Bonfim, e, durante o Forricó, irá funcionar em regime de plantão durante o dia, com a sede fechada, e com funcionamento no local da festa.

"Além dos barraqueiros a gente adverte, de antemão, que os primeiros responsáveis são os pais, temos também essa preocupação, porque muitas vezes vem para cima dos barraqueiros. A gente chama a atenção dos pais, porque o órgão está para judar, mas sem a ajuda dos pais fica difícil", disse Moura.

Conforme a conselheira, quando é identificado um caso de bebidas a menores "a gente chama a atenção do barraqueiro, o barraqueiro é advertido e notificado a aparecer no Conselho Tutelar. Com relação ao menor, é conversado com os pais. Quando é a Polícia, o Conselho é chamado até a Delegacia para fazer todo o procedimento".

Atualmente, cinco conselheiros atuam no Conselho Tutelar: Neide Moura, Fátima Silva, Maria Ricarte, Maria de Lourdes e Francisco Diassis. "Um pedido que a gente faz aos pais: Prestem mais atenção aos filhos, prestem atenção com quem sai, porque hoje os perigos estão muito grandes, crianças em situação de rua que a gente acompanha. Curtam a festa com responsabilidade. Tem quatro dias para brincar e o nosso desejo é de que ocorra tudo em paz", finalizou a conselheira.
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :