Agricultor tem surto psicótico, faz quatro reféns em Icó e é baleado

Uma ocorrência de cárcere privado mobilizou a cidade de Icó nessa segunda-feira [23]. O agricultor José Leite Ribeiro, 44 invadiu um apartamento na rua Francisco Caetano Dantas, bairro Cidade Nova, em Icó, e fez refém Maria Lucia Calácia, 54, entre 11h e 18h.

De acordo com as informações, ao saberem as informações, policiais civis e militares se dirigiram ao local para negociar com o acusado e libertar a dona de casa.

O agricultor pediu a presença da imprensa local, através dos radialistas, e quando o radialista Nacélio Cavalcante, da Papagaio FM, subiu e entrou no apartamento, também foi feito refém. O fato mobilizou dezenas de policiais e moradores que acompanharam a tensão da ocorrência. Ainda estiveram presentes amigos e familiares do agricultor.

No decorrer da tarde, a dona de casa mantida refém passou mal e uma agente de saúde entrou no apartamento para prestar assistência à vítima, mas foi feita refém. O comerciante Valdeci Ferreira tentou intervir nas negociações e foi a quarta pessoa a ficar refém do agricultor.

No início da noite, José Leite disse que apagaria as luzes do apartamento e a tensão aumentou entre os reféns, resultando em uma luta corporal entre o agricultor, o radialista e o comerciante. Em seguida, foram ouvidos disparos no apartamento e policiais invadiram o local. O agricultor foi baleado, socorrido para o Hospital Regional de Icó e encaminhado para a cidade de Fortaleza. Nenhum refém ficou ferido.

Segundo o delegado regional de Polícia Civil de Icó, Marcos Sandro Nazaré de Lira, o acusado será indiciado por cárcere privado, porte ilegal de arma de uso permitido e de uso proibido e por tentativa de homicídio. Foi encontrado com o agricultor um revólver calibre 38 de numeração raspada, uma pistola 635, 13 munições intactas de 38, 5 deflagradas e 7 munições de pistola 635. 

Ainda conforme o delegado regional, as vítimas não puderam ser ouvidas por estarem muito abaladas, mas serão ouvidas breve. O acusado não foi ouvido por ter sido encaminhado para fortaleza, mas foi autuado em flagrante delito. Será pedido, em breve, a realização de um exame de sanidade mental para o agricultor. 


* Com informações das Polícias Militar e Civil, através do radialista Richard Lopes [Foto: Gustavo Veras]
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :