Policlínica e CEO vão para banco de experiências do SUS

A experiência do Consórcio Público de Saúde da Região de Cascavel, apresentada na segunda edição da Mostra Nacional de Experiências em Gestão Estratégica e Participativa do SUS [II Expogep], realizada em fevereiro, em Brasília, foi selecionada para incluir o Banco de Práticas e Soluções em Saúde e Ambiente [IdeiaSUS]. 

O consórcio tem a gestão da Policlínica Dra. Márcia Moreira de Menezes, em Pacajus, e do Centro de Especialidades Odontológicas Dr. Francisco Mansueto de Sousa, em Cascavel, construídos pelo Governo do Estado para dar cobertura em consultas e exames especializados à população de 292.483 habitantes dos municípios de Beberibe, Cascavel, Chorozinho, Horizonte, Ocara, Pacajus e Pindoretama.

Lançado em julho de 2013, o IdeiaSUS tem como finalidade a divulgação e consulta de práticas e soluções para o SUS, implantadas nos diversos territórios do país. O banco é resultado da cooperação técnica entre a Fundação Osvaldo Cruz [Fiocruz], o Conselho Nacional de Secretários de Saúde [Conass] e o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde [Conasems], no âmbito da Rede de Apoio à Gestão Estratégica do SUS. 

O trabalho do Consórcio Público de Saúde da Região de Cascavel será submetido a comitês de avaliação e, caso seja certificado, poderá ser credenciado para receber incentivos e investimentos das agências de fomento parceiras da Fiocruz.

O consórcio regional de saúde é o modelo de gestão adotado pelo Governo do Estado para os novos CEOs regionais e policlínicas, tomando por base os municípios localizados numa mesma microrregião de saúde para garantir a estruturação de redes de assistência e ampliar e facilitar o acesso da população aos serviços de saúde na própria região. 

Os consórcios são constituídos sob a forma de associação pública, entidade autárquica e interfederativa, para a promoção de ações de saúde pública assistenciais e prestação de serviços especializados de média e alta complexidade. O Governo do Estado participa dos consórcios em todas as 21 regiões de saúde e participa com, no mínimo, 40% do custeio de cada policlínica e cada CEO. Os 60% restantes são rateados entre os municípios, com a participação da União, no caso dos CEOs.

Criado em 2010, o Consórcio Público de Saúde da Região de Cascavel tem a gestão da policlínica e do CEO regionais. Os dois equipamentos já ofertaram 55 mil atendimentos à população dos sete municípios da região de saúde. Do tipo I, a Policlínica Dra. Márcia Moreira de Menezes ampliou a oferta de serviços de 10 para 16 especialidades médicas: oftalmologia, neurologia, mastologia, ginecologia, cirurgia geral, gastroenterologia, clínica geral, radiologia, cardiologia, ecocardiografia, pediatria, dermatologia, otorrinolaringologia, endocrinologia, urologia e traumato-ortopedia, com apoio técnico de enfermagem, fisioterapia, terapia ocupacional, psicologia, nutrição e fonoaudiologia. Os serviços de apoio diagnóstico e terapêutico incluem exames laboratoriais, ergometria, ecocardiograma, ultrassonografia, raio X, mamografia e densitometria óssea. Uma sala de tomografia está em construção para receber o tomógrafo já recebido pelo consórcio. Desde 2012, a policlínica regional realizou 47.806 atendimentos, entre exames e consultas especializadas, até janeiro deste ano.

O CEO Dr. Francisco Mansueto de Sousa realiza cirurgia oral menor, endodontia, periodontia, ortodontia, próteses e atende pacientes com necessidades especiais. Dispõe de um laboratório de próteses e realiza exames de biópisa e raio x panorâmico e cefalométrico. De abril de 2013 a janeiro deste ano, o CEO realizou 3.603 atendimentos. Nos CEOs e policlínicas regionais, o encaminhamento de pacientes é feito pelas secretarias municipais de saúde, a partir da solicitação de consultas e exames feitas na atenção básica. No agendamento, o paciente escolhe data e horário para a consulta ou exame, de segunda a sexta-feira, de acordo com a disponibilidade de vagas. A distribuição de vagas para atendimento é proporcional à população de cada município da região de saúde.

O governo do Estado entregou 18 policlínicas regionais em Camocim, Tauá, Acaraú, Russas, Baturité, Icó, Pacajus, Brejo Santo, Aracati, Itapipoca, Sobral, Quixadá, Campos Sales, Caucaia, Barbalha, Tianguá, Iguatu e Crateús. Há mais quatro unidades para serem inauguradas em Limoeiro do Norte, Canindé, Maracanaú e Crato. São também 18 CEOs regionais em funcionamento em Ubajara, Baturité, Acaraú, Camocim, Itapipoca, Brejo Santo, Crato, Juazeiro do Norte, Russas, Limoeiro do Norte, Caucaia, Quixeramobim, Icó, Cascavel, Sobral, Canindé, Crateús e Maracanaú.


* Com informações da Assessoria de Comunicação da Sesa
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :