Juíza destaca gestão humanizada e valorização de servidores para obter bons resultados

A juíza Helga Medved, titular do 22º Juizado Especial Cível e Criminal [JECC] de Fortaleza, proferiu palestra sobre a experiência positiva do primeiro ano à frente da unidade. 

O encontro ocorreu no último dia 21 de fevereiro, durante o Café da Gestão, promovido pela Secretaria Especial de Planejamento e Gestão (Seplag) do Tribunal de Justiça do Ceará [TJCE].

A iniciativa tem o objetivo de aprimorar debates sobre gestão e promover troca de conhecimentos. Segundo a magistrada, a pauta de julgamentos do Juizado, instituído em 18 de janeiro de 2013, está praticamente zerada, restando, no momento, apenas 12 processos conclusos. Durante o ano, a unidade recebeu cerca de 1.400 ações. Ela atribui os bons resultados à humanização do espaço e à valorização dos servidores.

A juíza também ressaltou a importância das conciliações pré-processuais, realizadas pelo Juizado com os planos de saúde e a Companhia Energética do Ceará [Coelce]. “A parte já sai com um acordo homologado, sem precisar ingressar com um processo na Justiça. Os dois lados saem satisfeitos”. Durante um ano, de acordo com a magistrada, foram fechados 100 acordos.

Falou, ainda, sobre a importância da audiência una (instrução e sentença no mesmo dia) para agilizar o andamento dos processos. Ao final da palestra, os servidores da Seplag esclareceram dúvidas e comentaram sobre o tema. Também participaram do encontro representantes da Secretaria Judiciária do TJCE.


* Com informações do TJCE
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :