Diário do Nordeste destaca protesto do MST em Icó

O Diário do Nordeste desta terça-feira [25], em seu caderno Regional, trouxe em destaque uma matéria sobre o protesto realizado na manhã dessa segunda-feira [24] pelas principais ruas de Icó, culminando na ocupação da sede da Prefeitura Municipal de Icó.

A reportagem do jornalista Honório Barbosa destacou a manifestação, que apresentou pontos de reivindicação e causou problemas de acesso entre os funcionários do Executivo icoense. Veja matéria  completa abaixo.


CENTRO-SUL - Manifestantes ocupam Prefeitura de Icó

Durante toda a manhã de ontem, funcionários foram impedidos de sair pelos integrantes do protesto que negociou pauta de reivindicações

Icó. Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra [MST] e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais deste município, ocuparam a Prefeitura Municipal de Icó. A manifestação começou por volta das 10 horas da manhã de ontem e cerca de 30 funcionários ficaram impedidos de deixar o prédio, que fica na Rua Grande, no centro histórico, que é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional [Iphan].

Os manifestantes armaram um barracão em frente à Prefeitura e trancaram a porta principal com paus. O clima de tensão permaneceu por toda a manhã. O movimento tem a liderança de três assentamentos rurais: Chico Mendes, no distrito de Cruzeirinho; Serra, em Pedrinhas; e Bom Lugar, em Posto Agrícola.

A pauta de reivindicação dos manifestantes inclui uma lista extensa de implantação de políticas públicas nas áreas de saúde, educação e infraestrutura. Um dos pontos específicos é a oposição ao fechamento de escolas na zona rural e a melhoria das estradas de acesso às vilas e áreas de produção. Há vários anos que agricultores lutam no município por melhoria dos serviços públicos na zona rural. Ao meio-dia, os coordenadores do protesto permitiram a saída dos funcionários, com a chegada do prefeito Jaime Júnior. O clima de tensão foi reduzido.

Durante quase duas horas, representantes dos manifestantes, o gestor municipal e secretários estiveram reunidos discutindo cada item apresentado na pauta geral de reivindicações.

Dentre os pedidos apresentados estão a garantia de transporte escolar para alunos do ensino fundamental que estudam em unidades fora dos assentamentos; conclusão da adutora para o assentamento Bom Lugar; apoio à comercialização de gêneros agrícolas e ampliação do Programa de Aquisição Alimentos [PAA] destinados para a merenda escolar. A lista reivindicatória ainda inclui a doação de um transporte para facilitar o escoamento da produção dos assentamentos; melhoria de funcionamento de postos de saúde, com a presença diária de enfermeiros e de um médico, pelo menos uma vez por mês; ampliação dos estoques de medicamentos e maior facilidade para a concessão de exames de saúde.

O prefeito de Icó, Jaime Júnior, disse que a realização de protestos é assegurada no regime democrático, mas criticou a forma como as lideranças do MST agiram na manhã de ontem. Um procurador do município classificou o fato dos servidores ficarem impedidos de saírem da Prefeitura como "cárcere privado". "Estamos abertos ao diálogo com as lideranças sindicais, comunitárias e dos movimentos sociais", disse Jaime Júnior. "Vamos fazer o esforço para atender as reivindicações".

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Icó, Lourival Teixeira, disse que a manifestação teve por objetivo chamar a atenção das autoridades locais e do Estado e pressionar o gestor municipal a melhorar os serviços públicos de saúde, educação e da infraestrutura nas áreas de assentamentos rurais.

O município de Icó implantou na década de 1970 o Perímetro Irrigado Icó - Lima Campos por meio do Departamento Nacional de Obras contra a Seca [Dnocs]. O projeto atraiu centenas de milhares de produtores rurais. Com o decorrer do tempo, as dificuldades de produção surgiram ante a falta de infraestrutura, assistência técnica e crédito para o setor rural.
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :