Aurora, Ceará, e o Buraco Negro

Qualquer historiador Sério que se disponibilize a estudar a cidade de Aurora, desde o seu nascedouro na fazenda Logradouro, aos dias atuais, irá constatar que a cidade tem uma população rica em esforços, políticos ricos em esforços, mas um buraco negro também rico em esforços, pois senão vejamos:

O primeiro templo de Aurora, a Capela do Bairro São Benedito, que inclusive recebeu do Rio de Janeiro, o Sino com Brasão do império, imagens Nossa Senhora dos Remédios, Busto de Jesus Cristo,  lindas alfaias, outros paramentos litúrgicos e o que aconteceu com a capela ? - O buraco negro engoliu.

Depois de muitas lutas e refregas O Padre Cícero Romão Batista entregou as famosas Minas do Coxá ao povo de Aurora, festas, louvores e devoção ao santo padre, com razão, finalmente uma das maiores reservas de Minérios do Ceará nas mãos do Povo de Aurora –  E o que foi que aconteceu com as minas do Coxá ? - O buraco negro engoliu.

A Coletoria Federal finalmente colocou seu posto de atendimento na cidade sol nascente, alegria total festa com os políticos e o povo em praça publica, danças e festejos – E o que aconteceu com o posto de Atendimento da Coletoria federal em Aurora?  -O Buraco negro engoliu.

No Distrito de Ingazeiras todo o povo de Aurora em felicidade para demarcar a Subestação da CHESF um terreno lindo inclusive, alegria plena, felicidade plena, porém em questão de segundos a Substação foi rapidamente engolida pelo buraco negro.

Um lindo aeroporto, ainda em tempos remotos, mas mesmo assim um lindo aeroporto, aviões de pequeno, médio e grande porte pousavam e decolavam para alegria dos Aurorenses nos embarques e  desembarques E o que foi que aconteceu ? - O Buraco negro Engoliu.

A cidade de Aurora ganhou o seu  primeiro  meio de transporte – O Trem, a passagem do trem na estação de Aurora era motivo de  encontro   da juventude e da betumação  da unidade social – E o que foi que aconteceu com o trem ? - O Buraco negro engoliu.

Mas o povo de Aurora   tem uma tenacidade incrível, bem como os seus agentes públicos, conseguiram a Primeira Escola da Rede Publica Estadual de Ensino da Região do Cariri cearense, ainda  no longínquo ano de 1927- Escola de Ensino Fundamental e Médio Monsenhor Vicente Bezerra – Aurora(CE) – E o que aconteceu – Nada!!! Porém com certeza o buraco negro está à espreita para engolir e rir de nós todos.


* Texto escrito e enviado por Luiz Domingos de Luna - Professor da Escola de Ensino Fundamental e Médio Monsenhor Vicente Bezerra – Aurora, Ceará [E-mail: falcaodouradoarte@hotmail.com].
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :