Assistência Militar do TJCE recolhe 1.798 armas durante visita a 34 comarcas neste ano

A Assistência Militar do Tribunal de Justiça do Ceará [TJCE] recolheu 1.798 armas de fóruns do Interior do Estado e Região Metropolitana de Fortaleza durante visita a 34 comarcas desde o início deste ano. 

Também foram recolhidas várias munições apreendidas. A comissão de policiais militares, responsável pela guarda e transporte do armamento, esteve nas comarcas no período de 1º de janeiro ao último dia 7.

Entre o material recolhido estão fuzis, metralhadoras, escopetas, pistolas e revólveres de diversos calibres, além de 1.500 cartuchos intactos, 300 deflagrados, 50 kg de chumbo e 8,4 gramas de pólvora. Tudo será enviado ao Exército Brasileiro para incineração. Em 2013, a Assistência Militar já havia recolhido 21.173 armas, que foram encaminhadas para destruição.

A medida atende à determinação do presidente do Tribunal de Justiça do Ceará [TJCE], desembargador Luiz Gerardo de Pontes Brígido, conforme a Resolução nº 134, do Conselho Nacional de Justiça [CNJ]. Considera, ainda, a lei nº 10.826/2003, que dispõe sobre a destruição ou doação de armas de fogo apreendidas aos órgãos de segurança pública ou às Forças Armadas.

Foram visitadas as comarcas de Novo Oriente, Saboeiro, Altaneira, Crato, Juazeiro do Norte, Milagres, Porteiras, Brejo Santo, Russas, São Luís do Curu, Itapipoca, Acaraú, Tianguá, Ipueiras, Nova Russas, Pentecoste, Apuiarés, General Sampaio, Paramoti, Pacoti, Baturité, Itaitinga, Pacatuba, Maracanaú, Caucaia, Horizonte, Quixadá, Ibicuitinga, Banabuiú, Pedra Branca, Senador Pompeu, Boa Viagem, Forquilha e Sobral.


* Com informações do TJCE
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :