Número de acidentes e mortes nas rodovias federais foi menor no final de 2013

O número de acidentes e de mortes nas rodovias federais teve redução em termos absolutos e também proporcionais. 

O cálculo é da Polícia Rodoviária Federal [PRF] e levou em conta a frota de veículos do país: para cada milhão de automóveis, foram registrados 81,4 acidentes durante as festas de final de ano. Em 2012, foram 97,13 acidentes por milhão de veículos.

De acordo com a PRF, isso representa uma redução de 16% no número de acidentes em relação à frota. É o mesmo índice registrado para a redução de mortes por milhão de veículos, que passou de 5,5 para 4,6. Os números, referentes ao período entre os dias 20 de dezembro e 1.º de janeiro, fazem parte da Operação Rodovida, que conta com a ajuda da União, Estados e Municípios.

Durante as festas de final de ano foram registrados, ao todo, 6.651 acidentes nas rodovias federais brasileiras, que resultaram na morte de 379 pessoas. Em 2012, foram 7.407 acidentes e 420 mortes. Ao todo, houve 4.352 pessoas feridas, ante os 4.642 registrados em 2012.

Das 379 mortes, 83 ocorreram devido à colisão frontal de veículos; 30 devido à saída de pista; 24 por atropelamentos; 17 por colisão transversal; e 14 em consequência de capotamentos. Foram registradas 2.493 infrações devido à falta de licenciamento de veículos registrados, 7,35% do total; 1.921 por veículos conduzidos por pessoas sem carteira de habilitação ou permissão para dirigir, 5,65%; 1.710 por falta de uso do cinto de segurança pelo condutor, 5,04%; e 1.320 por falta de uso do cinto pelos passageiros. Segundo a PRF, 996 multas foram aplicadas em motoristas que dirigiam alcoolizados, o que resultou em 461 prisões.

MINAS GERAIS Minas Gerais é novamente o Estado que lidera o ranking com maior registro de acidentes, feridos e mortes por acidentes. Do total de acidentes, 1.102 ocorreram em rodovias do estado e das 379 mortes, 64 aconteceram nas BRs mineiras. O Estado também registrou 798 feridos, do total de 4.352 contabilizados em todas as rodovias federais.

Em segundo lugar no ranking está a Bahia, com 382 acidentes, 292 feridos e 43 mortes. Em seguida vem o Paraná, com 750 acidentes, 489 feridos e 30 mortes; e Santa Catarina, com 751 acidentes, 473 feridos, e 24 mortes.


* Com informações da Agência CNM e da Agência Brasil
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :