SDA apresenta resultados do Projeto de Agricultura Urbana e Periurbana

Em Fortaleza, no bairro Vila União, na Travessa Riachuello, está localizada a comunidade do Zé Testinha. Uma comunidade conhecida pela valorização das manifestações culturais de nossa cidade. 

Ali funciona a quadrilha junina do Zé Testinha, premiada em diversos festivais da nossa cidade. Diariamente vão lá mais de 60 crianças para aprender mais sobre a cultura do Ceará, através da dança e do artesanato.

Mas, nem só de arte vive a comunidade do Zé Testinha. Ali, são seis famílias que plantam no quintal de casa frutas e verduras para o consumo próprio, e tentam passar essa atividade de geração para geração. “Eu nem preciso mais ir ao supermercado. Tenho uma alimentação saudável, sem veneno e que faz muito bem à saúde. E tem suficiente para os meus filhos e netos”, afirmou o senhor Francisco Rogério de Oliveira, o patriarca da família.

Dono de uma horta familiar, a comunidade Zé Testinha, na Vila União foi beneficiada com o Projeto de Agricultura Urbana e Periurbana da Secretaria do Desenvolvimento Agrário [SDA], que é uma parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome [MDS], que incentiva os beneficiários dos programas sociais do Governo Federal a cultivar frutas e hortaliças de maneira orgânica e agroecológica. Atualmente, 600 famílias da Região Metropolitana de Fortaleza estão sendo atendidas, implantando 300 quintais produtivos e 43 unidades produtivas coletivas, sendo 25 em Fortaleza.

A meta é implantar 305 projetos produtivos, atendendo famílias que vivem em condições de vulnerabilidade social e econômica, agricultores urbanos e periurbanos, desempregados, grupos organizados em cooperativas e organizações de produtores. Os projetos serão desenvolvidos em parceria com o Instituto Agropolos. As famílias beneficiadas em condições de vulnerabilidade social e econômica, agricultores urbanos e periurbanos, desempregados, grupos organizados em cooperativas e organizações de produtores. Em Fortaleza, o Projeto atua nos bairros Conjunto Palmeiras, Jagurussu, João Paulo II, São Bernardo, Castelão, Passaré, Serrinha, Itaoca, Autra Nunes, Pici, Granja Portugal, Conjunto Ceará, Genibaú, Barra do Ceará, Ellery, Pirambu, Serviluz, Maravilha, Lagamar, Bela Vista, Vicente Pizon, Praia do Futuro [Cocos] e Cidade 2000.

A ideia é permitir que os agricultores urbanos possam produzir para o consumo próprio e comercializar o excedente para o mercado local e também para os programas institucionais: Programa de Aquisição de Alimentos [PAA] e Programa Nacional de Alimentação Escolar [PNAE].

A comunidade Zé Testinha foi visitada pelo secretário do Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins, que comemorou os resultados do Projeto. “Nós temos que incentivar esses pequenos projetos produtivos em Fortaleza, pois eles representam uma oportunidade para a geração de emprego e renda da comunidade”, afirmou.

Estão sendo realizadas várias oficinas nas comunidades beneficiadas com o Projeto. “Nós queremos dividir experiências entre as comunidades para garantir o sucesso deste projeto”, afirmou a coordenadora de Desenvolvimento Territorial e Combate à Pobreza Rural da SDA, Graça Duarte.

Outro parceiro da SDA na execução do Projeto é o Serviço Social do Comércio [SESC]. Através do Ação Comunitária - o Projeto Pensando Verde Semeando Idéias, que tem atuado junto a SDA no bairro Ellery. 30 famílias foram beneficiadas com os insumos, equipamentos e assistência técnica. “Essa experiência tem se disseminado para outras comunidades. As pessoas atendidas pelo Projeto de Agricultura Urbana no Bairro Ellery vem disseminando o conhecimento através de oficinas de hortas verticais em outras comunidades também atendidas pelo PAUP”, afirmou o coordenador do Projeto Michel Félix.


* Com informações da Assessoria de Comunicação da Secretaria do Desenvolvimento Agrário
Publique no Google Plus

Publicado por Jornalismo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Comentar no Site
    Comentar usando o Facebook

0 comentários :